O QUE É DESIGN INDUSTRIAL?

O que é design industrial

“Design Industrial é um processo estratégico de resolução de problema que impulsiona a inovação, constrói sucesso nos negócios e leva a uma melhor qualidade de vida através de produtos, sistemas, serviços e experiências inovadoras. Design Industrial preenche a lacuna entre o que é e o que é possível ser. É uma profissão transdisciplinar que aproveita-se da criatividade para resolver problemas e co-criar soluções com a intenção de fazer um produto, sistema, serviço, experiência ou um negócio, melhor.

Na sua essência, Design Industrial fornece uma maneira mais otimista de olhar para o futuro reformulando os problemas como oportunidades. Conecta inovação, tecnologia, pesquisa, negócios e clientes para oferecer novo valor e vantagem competitiva pelas esferas econômica, social e ambiental.

Os designers industriais colocam o ser humano no centro do processo. Eles adquirem uma profunda compreensão das necessidades dos usuários através da empatia e aplicação pragmática de métodos de solução de problemas centrado no usuário para projetar produtos, sistemas, serviços e experiências. Eles são atores estratégicos do processo de inovação e estão numa posição única para unir variadas disciplinas profissionais e interesses comerciais. Eles valorizam o impacto econômico, social e ambiental do seu trabalho e sua contribuição para a co-criação de uma melhor qualidade
de vida.” Conselho Internacional das Organizações de Design Industrial (ICSID) (tradução livre)

6 coisas que você precisa saber sobre design de embalagens

Rodrigo Braga França , sócio da Notus Design, escreveu um artigo para o portal do SEBRAE MINAS DESIGN sobre fatores essenciais que você precisa conhecer ao pensar sobre design de embalagem.

Muito se fala sobre a importância da “cara” do produto para seu sucesso, mas você sabe o motivo disso? O prestígio do design de embalagem só cresce e está na hora de você adotá-lo no seu negócio. Veja alguns fatores para entender melhor como esse fator pode fazer a diferença na hora da venda:

1)      A embalagem é o primeiro contato do cliente com o produto    

 Antes de consumir o produto, o cliente tem contato com a embalagem. Naquele momento, ela é o principal elemento de conexão entre o consumidor, o produto e a marca. Isso acontece, principalmente, no varejo alimentício.

 2)      O consumidor não faz distinção entre a embalagem e o produto

 Pesquisas com os consumidores afirmam que, para o consumidor, a embalagem e o produto são uma coisa só. Possuem a mesma representatividade, não havendo dissociação entre um e outro. Logo, se a embalagem é boa, a percepção geral do público é que o produto é bom. Se a embalagem é ruim…

  3)      Toda imagem possui um significado

 As cores, o apelo gráfico, o formato, o manuseio, todos os aspectos de uma embalagem representam e enviam uma mensagem para o consumidor. Isso deve ser planejado e explorado para transmitir o conceito desejado pela marca. Formas arredondadas indicam produtos mais suaves e naturais, por exemplo. Já formas geométricas e robustas transmitem força e qualidade técnica.

 4)      Atribuir valor e fugir da guerra de preços

 Não apenas o preço, mas os aspectos emocionais são essenciais na decisão de compra. Por isso, a embalagem de qualidade consegue adicionar valor ao produto, aumentar a percepção de qualidade e se destaca perante os concorrentes.

 5)      É uma poderosa ferramenta de marketing

 Toda embalagem passa pelos olhos e pelas mãos dos consumidores, sendo uma boa oportunidade de comunicação direta com o cliente. A embalagem pode divulgar os atributos e diferenciais da empresa, os contatos institucionais, além de promover os canais de comunicação, como site e redes sociais. É uma oportunidade para se relacionar, engajar e fidelizar o consumidor.

 6)      Aumento de vendas

 Uma pesquisa da CNI (Confederação Nacional das Indústrias) mostrou que 75% das empresas que investiram em design de embalagem registraram aumento em suas vendas, sendo que 41% também conseguiram reduziram custos. O estudo também mostrou que, entre produtos semelhantes, o consumidor acaba preferindo o que possui a embalagem mais atraente e prática.

VIA Sebrae Minas Design